sexta-feira, 8 de junho de 2007

As Aventuras de Dom Caixote


Era uma vez em um reino o Reino da Alegria, existia um menino chamado Donatello, o seu pai, não colocou esse nome, por ser o mesmo nome do escultor da época renascentista, e sim por ser uma tartaruga ninja, mais tarde Donatello passou a ser conhecido no Reino da Alegria como “Dom Caixote” por usar uma armadura de caixote feita pelo seu pai e por ser Ordenado Cavaleiro do Reino da Alegria, onde jurou defender o reino das ameaças e das tristezas do mundo.

Dom Caixote tem um cão como seu animal real, que se chama “Cachorro Quente” (ou em inglês, língua que vem ganhando espaço no vocabulário do reino “Hot Dog”), Hot Dog é um Cachorro Fiel ao seu dono o grande defensor do Reino da Alegria, Dom Caixote, onde juntos irão passar por muitas aventuras e enfrentar Dragões, Gigantes entre outras ameaças, mas que ele vai fazer de tudo para perpetuar a felicidade no Reino da Alegria.

Dom Caixote teria pela frente um grande desafio, enfrentar o gigante, no reino todos tinham medo, inclusive Dom Caixote. O Gigante estava deixando todos assustados e infelizes, ninguém o cumprimentava, o abraçava e ninguém sorria para o gigante, por que todos tinham medo dele, e ele era mesmo assustador, enorme, peludo, a sua estatura descomunal fazia todos ficar apavorados, mas Dom Caixote e o seu fiel escudeiro Cachorro Quente, como Cavaleiro da Ordem do Reino da Alegria teriam que enfrentar o gigante, Dom Caixote não sabia como vencê-lo, só em olhar para o seu rosto já se borrava de medo, Dom caixote Pensou, Pensou, mais não conseguiu um jeito de afastar o medo que afligia o reino, enquanto o gigante estava lá, parado, no seu canto, Dom Caixote o olhava mais voltava a se borrar de medo do gigante, foi ai que ele percebeu que a primeira coisa que ele teria que fazer seria vencer o seu medo, e ele Olhou, olhou, olhou, sem parar, resolveu arriscar, foi até onde estava o gigante, esquisito o cumprimentou e sorriu:

- Oi Gigante, como é o seu nome? :D

O gigante respondeu: - me chamo desajeitado. :D

Com o sorriso sincero de Dom Caixote de quem já tinha perdido o medo de vê o gigante, fez com que o gigante tirasse a sua expressão carrancuda de sua face, e sorriu, sorriu com muita alegria, Pois estava lá há quatro semanas e ninguém tinha cumprimentado-o, quando todos do Reino perderam o medo também foram falar com o gigante, porque perceberam que apesar de toda a sua esquisitice, o gigante tem necessidade de amigos, carinho, amor, de um sorriso sincero como todo cidadão. E todos da Região aprenderam a lição, hoje no Reino da Alegria ninguém julga mais ninguém pela aparência.

Por: Tarcisio Camelo

As aventuras de Dom Caixote continuam...

6 comentários:

Bárbara Melo disse...

que bonitinho o dom caixote!
adorei o nome!
será que vão ter próximos capítulos? tipo as aventuras de don caixote?
:*

thiagoband disse...

pow!
boa a idéia do Dom Caixote!
estilo Armorial...se Ariano visse, então?
kkk..total!
continua a estória parceirow...

Afonso Bezerra disse...

Esse Tarcisio realmente tem uma critatividade fora do normal.Isso é muito bom.Parabéns meu grande!!!

Naná Kehrle disse...

oow q linda a história!
^^
adorei! bem criativo!

;*

thiagoband disse...

to aumentando os coments...
tá indo viu?
só sucessoooo

Tarcisio Camêlo disse...

Obrigado a todos!
o Jornal Cultural agora também está no Rádio, na Rádio Alto Falante todas às Sextas das 16hs às 18 horas, e gostaria de informar que As aventuras de Dom Caixote continuam...
semana que vem eu publico a proxima edição...aguardem!